Artigo: Como escolher a escola de educação infantil do seu filho?

Nesta época do ano, muitos pais buscam uma escola para seus filhos. A escolha da escola adequada é extremamente importante, pois é a primeira porta de acesso da criança à vida escolar e ao convívio externo à família.

Com uma educação de qualidade seu filho melhora a sociabilidade, capacidade de compreensão e os níveis de aprendizado que servirão como alicerce para o conhecimento que a criança vai adquirir durante a vida. Dessa forma, todo cuidado é pouco na hora de tomar essa decisão. Afinal, grande parte da construção social e pessoal do seu filho dependerá da escola que ele frequentará
ao longo de sua história.

Para uma escolha apropriada, é fundamental que a família visite a escola, conheça sua proposta pedagógica e metodologia de trabalho. Os espaços físicos devem ser adequados, como parques, refeitórios e sala de aula. O preço, a localização e logística diária devem ser considerados na rotina familiar. Entenda também os valores que ela promove, como sustentabilidade, inclusão, respeito à diversidade, cidadania, convivência, conflitos infantis e didática motivadora. É extremamente importante que esses valores sejam coerentes aos familiares, para uma convivência harmoniosa.

Priorize a formação humana, pois as escolas de educação infantil, de maneira geral, desenvolvem as mesmas áreas de conhecimento, estipuladas pelo Ministério da Educação e, se o aluno estiver preparado afetivamente, ele aprenderá cognitivamente.

Um ambiente acolhedor é indispensável. Boas escolas constroem ambientes afetivos e favoráveis ao relacionamento entre as pessoas que se respeitam, são afáveis umas com as outras e resolvem os conflitos pelo diálogo. A criança também precisa de espaço para pular, correr e se divertir, independentemente da idade. Por isso, dê preferência às instituições que prezam o brincar. Sem o lúdico, o processo de ensino-aprendizagem da criança seria um tédio. É necessário que a construção se faça a partir do jogo, da imaginação e do conhecimento do corpo.

Os pais devem acompanhar a rotina escolar, observar as redes sociais da escola, avaliar a opinião de outras famílias e conversar com pessoas que já viveram a prática escolar. Hoje, cada dia mais escolas postam fotos privadamente aos pais ou para comunidade. São registros deliciosos que ficam na memória de toda família e dão tranquilidade aos pais ao acompanhar o processo de ensino.

Por fim, opte pela escola que você se sentiu mais confiante, seguro, que tenha a ver com seu filho e seu estilo de vida. Atualmente, com tantas mudanças na estrutura familiar e na sociedade, o papel da escola é crucial no sentido de acolher a família e garantir uma boa educação para criança, destacando a afeição ao aprendizado, com respeito ao tempo de cada um e com o apoio mútuo. A primeira escola que vai receber o seu filho pode até não ser “para o resto da vida”, mas vai, sim, marcá-lo para sempre. Que sejam então, marcas positivas!

Autora: Simone S. Criano, diretora de núcleos da Ajorpeme