A importância da excelência na gestão

Procurando cada vez mais se destacar e ser referência no mundo dos negócios, empresas buscam a excelência na qualidade de gestão das suas empresas. Entendemos que a principal vantagem competitiva das organizações destes novos tempos está justamente na aplicação das ferramentas de gestão que são essenciais para aumentar a eficiência e a competitividade. Conheça porque a empresa FRZ Neodiagnose resolveu participar da consultoria e conquistou o Prêmio Catarinense pela Excelência – PCE 2017.

– Porque você resolveu fazer a consultoria? O que precisava aperfeiçoar na empresa?
Fabiane Zirmmermann – A motivação por melhorar a gestão da empresa, que fundei há 20 anos, foi pela necessidade de crescimento da empresa que vinha com resultados defasados nos últimos anos em função do momento econômico e também pela influência de fatores do ambiente externo e interno do negócio. Nosso planejamento estratégico estava adormecido e precisava ser totalmente revisado com uma nova perspectiva. Senti que eu e minhas sócias precisávamos de novos desafios. O aperfeiçoamento na empresa precisa ser constante, pois trabalhamos com diagnóstico e o avanço tecnológico vem neste crescente. A gestão da empresa também não pode ficar para trás e baseado nisto resolvemos desenvolver o projeto.

– O que mudou na sua empresa após a aplicação do conceito de Excelência em Gestão?
Fabiane Zirmmermann – Primeiramente a capacitação em conceitos atuais e amplos de gestão. O interessante é que a medida que evoluímos na capacitação simultaneamente fomos fazendo um diagnóstico do negócio e percebendo onde precisamos reforçar as nossas práticas de gestão. A decisão de participar do Prêmio Catarinense pela Excelência – PCE 2017 nos colocou um desafio e ao mesmo tempo um compromisso para que rapidamente pudéssemos evoluir. Felizmente conseguimos fazer isto com velocidade e obter ganhos organizacionais e humanos. Em relação aos ganhos destaco: atualização do planejamento estratégico com a definição de mapa estratégico, indicadores e iniciativas estratégicas que são acompanhadas em reuniões mensais de resultados, maior percepção das necessidades das partes interessadas ao negócio com a ampliação e foco nas diversas categorias de clientes, maior atenção às necessidades das associadas, maior alinhamento aos requerimentos das instituições onde atuamos, estruturação da gestão do conhecimento e definição do Plano de desenvolvimento individual – PDI e maior controle de apontamento e cobrança dos procedimentos realizados. Na FRZ Neodiagnose somos todas sócias e o nosso grande patrimônio são as profissionais. O fato de nos organizarmos rumo a excelência nos deixou mais unidas e com um novo gás.

-Como foi o processo de preparação e participação ao Prêmio Catarinense de Excelência? Que classificação a empresa obteve e em qual categoria?
Fabiane Zirmmermann – Como nossa empresa é prestadora de serviço para os dois maiores hospitais privados de Joinville nós já tínhamos muita bagagem devido a metodologia de qualidade para prestadores de serviços destes hospitais. O selo da qualidade do Movimento Catarinense pela Excelência era um caminho natural para continuarmos prestando serviços diferenciados e reconhecidos nestes hospitais e também para abrir novas oportunidades. Estamos começando essa caminhada junto a excelência, dando os primeiros passos da qualidade, nossa empresa concorreu na categoria dos 125 pontos do PCE.

-Como você avalia a conquista do Prêmio?
Fabiane Zirmmermann – Com humildade, vejo que galgar esses 125 pontos com uma empresa prestadora de serviços de saúde basicamente de diagnóstico, é uma honra. Com uma jornada de 20 anos em um país frágil economicamente e socialmente é uma força imensa. Conquistar esse Prêmio mostra que estamos no caminho certo, para continuarmos prestando nossos serviços à comunidade dentro das expectativas das instituições onde operamos, porém ainda temos muito a nos fortalecer.

-Qual foi o maior ganho para sua empresa em participar do prêmio?
Fabiane Zirmmermann – Ter conquistado o prêmio foi um presente para todas nós, a oportunidade de ter a empresa avaliada e publicamente reconhecida. Além disso, posteriormente recebemos o relatório de pontos fortes e fracos da equipe técnica do Movimento Catarinense pela Excelência – MCE, eu considero hoje, um privilégio administrativo.

-O MEG® utiliza o conceito de aprendizado e melhoria contínua de acordo com o ciclo de PDCL – Plan (planejar), Do (fazer), Check (verificar), Learn(aprender). Você acredita que esta é a chave para o sucesso de uma gestão com excelência?
Fabiane Zirmmermann – Eu acredito muito neste conceito sim. O ciclo PDCL foi um impulsor na escolha do MEG para nossa empresa. Porém nosso maior desafio são as pessoas como estão às pessoas que estão comigo nesta jornada, qual a verdade delas e qual o entendimento delas junto à empresa. Sonhar sozinha é muito fácil, realizar o sonho depende da minha habilidade como gestora de passar todos esses objetivos para minhas sócias levarem isso adiante.